2 anos de idade menina passou dia e noite em seu celular; agora ele tem miopia severa


Uma menina de dois anos de idade, originária da China, sofre miopia severa como resultado de ficar exposta ao celular por longos períodos de tempo.

De acordo com informações relatadas pelo Correio Diário, seus pais lhe deram um celular quando ela tinha apenas um ano de idade para que ela permanecesse em silêncio, um dispositivo que o pequeno não tirava de dia e de noite e que, em sua tenra idade, causava danos irreversíveis e que poderiam piorar ao longo do tempo, de acordo com o diagnóstico do Centro de Serviços de Assistência à Criança e Maternidade de Yangzhou.

Os pais dos afetados detectaram que algo estranho aconteceu com a filha quando a viram franzir o cenho e olhar para a tela do celular, motivo pelo qual decidiram levá-la com especialistas para saber o que estava acontecendo, e o resultado foi o mais alarmante. .



Uma pessoa com miopia leve tem uma pontuação de -0,5 dioptrias (D) a -3D; o mais novo, tem -9, uma situação complicada.

Informações da Organização Mundial da Saúde afirmam que crianças menores de um ano não devem ser expostas, por qualquer razão, a telas. No caso daqueles que têm dois e quatro, o tempo máximo recomendado é de uma hora por dia.

Um par de anos atrás, uma mulher de 21 anos, fanática por videogames móveis, perdeu parcialmente a visão depois de passar um dia inteiro na frente de seu celular. Wu Xiaojung foi diagnosticado com oclusão da artéria da retina (bloqueio de uma artéria que fornece sangue para a retina).



A vítima desta doença ocular confessou que passava regularmente oito horas brincando sem parar e que seus pais a avisaram que ela ficaria cega se não mudasse esse comportamento.

Miopia, Hipermetropia e Astigmatismo: Informações gerais (Abril 2020)


Top